maio 22, 2024

10 Dicas de Como Emagrecer com Saúde

10 Dicas de Como Emagrecer com Saúde 1

Hoje eu quero falar para vocês de 10 dicas
sobre como emagrecer com saúde. Porque óbvio, todo mundo busca emagrecer
e muitas vezes se foca muito no resultado estético, né? Mas a saúde também é muito importante. Além da perca de peso é importante que você
mantenha sua massa muscular, durante esse processo. Que seus ossos fiquem fortes, que você tenha
energia, que seu sistema imunológico fique fortalecido. Quem já não começou uma dieta e ficou gripado
depois, né? Porque tinha aquela dieta maluca, super restritiva. E é também interessante que com essa nova
alimentação que você faça, você consiga diminuir o risco de doenças cardiovasculares,
risco de hipertensão, de diabetes, de colesterol alto, de algum tipo de câncer, enfim que
a… possa te ajudar como um todo, para sua saúde. E aí você pode perguntar: “Qual é dieta
certa para você emagrecer com saúde”? Na verdade, gente, nenhum plano funciona para
todo mundo, né? Vai depende r do seu tipo físico, do seu
nível de atividade física, da sua saúde, né? Se você tem alguma comorbidade, ou alguma
doença previamente existente, se você faz atividade física, quais são seus objetivos,
suas preferências alimentares, né? Tem gente que não come algumas coisas que
é impossível comer, não dá para colocar na dieta. Então a gente leva tudo isso em questão,
personalizando a dieta. Porque quanto mais personalizada for a dieta
que você vai consumir, seja você que organize isso, ou um nutricionista, preferencialmente,
maiores são as chances de egressão. De que você consiga continuar com esse polo
alimentar por mais tempo. E esse que é o segredo para você de fato
continuar magro. Então vamos lá, as 10 dicas! Primeira dica, faça mudanças graduais. Não dá para você querer mudar sua alimentação
inteira do dia para noite. Mudanças muito radicais aumenta muito a chance
de você desistir, enquanto que as mudanças graduais fazem com que você substitua os
hábitos. E ao longo do tempo, fique uma coisa mais
internalizada para você, fique mais natural. Segundo: tome sempre café da manhã. Algumas pessoas acordam na correria: “ah,
eu tenho que tomar banho, dar banho nos meus filhos, botar a roupa pro uniforme, e pronto! Come nada e sai direto”.. E assim, é muito importante você se alimentar
depois desse longo período de jejum, que é a madrugada. E isso vai fazer com que você acelere o seu
metabolismo, o seu organismo perceba que você acordou, que ele pode começar a gastar mais
do que o metabolismo basal. Então isso é muito importante! Lembra sempre de consumir proteína magras. E então nesse momento talvez você possa
comer um ovo, uma omelete de claras ou fazer um shake com whey protein, carboidratos de
baixo índice glicêmico. Você pode colocar uma aveia nesse shake ou
você pode comer uma torrada integral junto com esse ovo. E uma fonte legal de gordura. Você pode colocar nesse shake que eu falei,
algumas castanhas ou um pouquinho de óleo de coco, fica bem gostoso, dá um sabor super
legal! E, lembra sempre que: quando a gente consegue
fazer uma alimentação mais equilibrada, mais completa, a gente evita aquele pico de
insulina do que algumas pessoas que consomem… são por exemplo um pão com suco de laranja,
fatalmente vão ter de manhã. Terceiro: Faça refeições frequentes. O ideal é que você coma de 3 em 3 horas,
e aí isso vai dar mais ou menos umas 5 ou 6 refeições por dia, o quê que isso faz,
com você? Isso faz com que o seu nível de açúcar
no sangue fique estável, isso te dá menos fome. Faz com que você engorde menos e diminui
aquele desejo por doce, por guloseimas. Além de manter seu metabolismo sempre ativo,
porque tá sempre dando comida, então ele entende que ele pode gastar sempre, porque
você não tá em privação alimentar, isso é uma dica muito importante! Quarta dica agora: não corte os grupos alimentares! Você não precisa eliminar um grupo inteiro
de nutriente para você conseguir emagrecer. pode ser que a proporção seja um pouco diferente
para você. Talvez você precise consumir um pouquinho
menos de carboidrato, ou um pouquinho menos de gordura, isso, mais uma vez, vai ser individualizado.
mas você não precisa cortar! Isso não é saudável, tá bom? Os carboidratos são combustíveis preferenciais
do cérebro e as gorduras são muito importantes para formação de vários hormônios, inclusive
a testosterona que contribui na massa magra. Então cortar grupo alimentares não tá com
nada! Consuma mais proteínas magras, essa é uma
dica bem legal! A proteína é muito importante porque ela
diminuí o índice glicêmico da refeição. Porque ela faz com que a digestão seja mais
lenta e o alimento passe mais devagar do estômago para o intestino aonde, de fato, ele é absorvido. Então consumir proteína é importante, mas
se a gente seja consome uma proteína gordurosa, com uma quantidade de gordura alta, a gente
consome muito mais calorias do que precisaria. E aí, meio que dá uma anulada nesses efeitos
positivos. Sexta dica: priorize sempre consumo de carboidratos
de baixo índice glicêmico. Esses carboidratos não querem dizer que o
carboidrato de baixo índice glicêmico é um alimento com baixo índice glicêmico. Tenha pouco carboidrato, e isso quer dizer
que o carboidrato é absorvido mais lentamente e então ele vai entrar numa infusão mais
gradual no seu plasma, não vai dá pico de insulina. O pico de insulina, eu sempre falo, é muito
ruim para você porque, se você secreta uma quantidade muito grande de insulina de uma
vez só, você também vai carregar uma quantidade muito grande de glicose, para dentro da célula. E se você não tiver terminado um treinamento
agora, tiver no meio de um treinamento, isso vai fazer com que você acumule gordura, então
nada interessante. Sétimo: consuma gorduras insaturadas, gorduras
benéficas. Nozes, castanhas, azeite, alguns peixes, é
uma gordura muito saudável, ela vai te dar mais saciedade. Ela diminui o tamanho do índice glicêmico
da refeição, ela é uma gordura que adiciona sabor a sua alimentação, então te dá mais
prazer. Mas mesmo sendo uma gordura saudável, lembra
que gordura é o que tem 9 calorias por grama, que é mais do que o dobro do que a proteína
e o carboidrato, que tem 4. Então tem que limitar a quantidade, tá bom? Coma bastante fibra. A fibra é aquela tríade legal de diminuir
o índice glicêmico, né? Proteína magra, gordura boa e fibra. A fibra também ajuda a diminuir o índice
glicêmico, porque ela também leva mais tempo para ser digerida e demora mais para passar
do estômago pro intestino. Ela também tem vários efeitos positivos. Ela regula o trânsito intestinal, ela te
dá uma sensação maior de saciedade, isso tudo é muito interessante, muito importante. Nono: beba muita água. A água é muito importante, até porque,
às vezes, o sinal de fome é confundido com o sinal de sede. Então, muitas vezes bebendo água você consegue
emagrecer, porque você vai consumir menos calorias da comida que você estaria comendo. E água tem um papel muito importante, porque
aquarrena nutrientes, ela remove toxinas, ela melhora nossa digestão, então a água
por si só também é bom para sua saúde, não só pro emagrecimento. E, a décima dica, que é uma das minhas principais:
não se prive de nada! Ela meio que remete aquela questão da dica
1, de faça mudanças graduais. Mas é isso, a gente não pode tirar o prazer
da alimentação. Isso é muito importante para a gente, a gente
obviamente tem que pensar em se nutrir, mas a alimentação passa pelo social também. Um jantar com seu marido, com seu namorado,
um happy hour com os amigos, uma festa de aniversário. Então, você sabendo colocar pequenas quantidades
de alimentos não tão saudáveis, não vai ter um impacto tão grande na sua alimentação
e no seu emagrecimento, tá bom? Fica por aí, que a gente vai se falando,
tem muita dica legal vindo para você. Tchau, tchau.

4.8/5 - (230 votes)